Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Noviactual

MENU

 

 

A edição do Maio.doc 2013, conta com a exibição de seis filmes: “Cativeiro”, “A nossa casa”, “Terra longe”, “Amanhecer a andar”, “Deportado” e “Bela vista”.

 

O filme “Terra Longe” de realizadores cabo-verdianos, mostra a vivência dos senegaleses no Mindelo. Os restantes que fazem parte da programação do "maio.doc 2013" são de realizadores portugueses e integraram as competições portuguesas de curta e de longa-metragem do Doclisboa 2012.

 

O VI Ciclo de Cinema documental, tem a duração de três dias - de hoje até 31 - sempre às 18h 30 na Biblioteca do CCP - Mindelo. A entrada é livre.

 

A Curta-metragem Flautista está entre os 20 melhores no concurso “vídeo Talentos 2013”.  A curta de 162 segundos é uma produção da companhia Burbur. O filme conta com poema de Sérgio Frusoni - "uma escrita que valoriza a história, a arte lusófona e a sua recriação na contemporaneidade”. 

Flautista "aborda a pintura do brasileiro Cândido Portinari em cruzamento com o poema cabo-verdiano Bufarera de Sérgio Frusoni evocando clichés da fotografia pioneira do Brasil, do açoriano Christiano Júnior”. 

O video - escolhido entre 300 concorrentes - está disponível no YouTube até 20 de Maio. Clique aqui para votar. 


Ficha técnica 

 

Realização · Vítor Almeida

Poema · Sérgio Frusoni

Argumento + Edição

Rui Duarte

Interpretação

Flávio Hamilton

Odete Môsso

Luz + Montagem

Valter Maior

Tradução

Francisco Topa

Rui Duarte

Ana Rodenas Martinez

Daniella Sucar Badin

Elena de la Prida Pineiro

Isabel Gómez Mondragón

Samantha González

Yamely Serna Sadala

 

Apoios ·

La Marmita

Tudo Faço

ACE

 

Agradecimentos

Fernando Frusoni

Andrea Gabilondo

Américo Castanheira

Francisco Topa

 

Produção · Burbur

 

“Do Silêncio a Um Outro Hino” é uma mostra que reúne vídeos de sete realizadores portugueses: 

Daniel Barroca, Jorge Santos, José Carlos Teixeira, Maria Lusitano, Mónica de Miranda, Paulo Mendes e Rui Mourão.
A mostra acontece no Centro Cultural do Mindelo entre 28 de Janeiro e 1 de Fevereiro.

O IC- Centro Cultural Português do Mindelo promove uma retrospectiva do cineasta angolano Rui Goulart. A iniciativa acontece entre os dias 19 e 23 de Novembro.


Segundo o cartaz do IC - CCP a retrospectiva inicia com o filme” 1ª vez 16mm”, a última longa-metragem de Rui Goulart que sintetiza as características mais marcantes do seu trabalho: obsessão, independência, originalidade, persistência, improviso, mistura de ficção e realidade, que resultam num lúcido e desapiedado olhar sobre si próprio, o cinema e a sociedade portuguesas.

 

“Desde `Em Obsessão` até à sua última longa-metragem 1ª vez 16mm, a sua maneira de filmar e construir as histórias, misturando atores amadores, atores profissionais e personagens reais com atores internacionais, resulta numa estética de um falso burlesco e improviso persistente, com a intenção de expor ao ridículo as feridas da muito conservadora sociedade portuguesa.”

 

Esta segunda-feira o auditório do Centro Cultural do Mindelo recebe às 19 horas “1ª vez 16mm”, 2009.

 

 

A retrospectiva conta ainda com filmes como “Em Obsessão” 1988; Fábula em Veneza, 1991; Pensão Internacional, 2002; Abstracto, 1997; Estranhos Dias, 2003; Sem Destino - Lisboa Los Angeles, 1998.

 

Nascido em Angola, Rui Goulart estudou teatro em Lisboa e cinema em França. O seu primeiro filme “Em Obsessão” nasceu em 1988 e resultou de um sonho de um grupo de jovens finalistas da escola de Cinema.

English French German Italian Dutch

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários