Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Noviactual

MENU

Queda de árvores, de postos de eletricidade, e de antenas de telecomunicações, desabamento de terras, estradas cortadas, telhados arrancados, pessoas desalojadas, embarcações afundadas e muitas enxurradas é o balaço da passagem do Furacão Fred, pelo arquipélago. Balanço feito pela Proteção civil a RCV.

 

 Foto retirada do facebook da CMSV

 

As chuvas e ventos fortes que chegaram a atingir os 140 km/ hora deixaram algumas ilhas sem comunicação e energia elétrica. O setor aéreo foi afetado, tendo a transportadora aérea cancelado vários voos nacionais. No setor marítimo foi interditada a saída de toda embarcação durante a permanência do Fred em Cabo Verde.

 

As ilhas mais afetadas foram Boa Vista, Sal, São Nicolau e Santo Antão.

 

Uma equipa da Associação ambiental Biosfera I ficou retida na ilha de Santa Luzia e ilhéu Raso. Segundo o Asemana online, a passagem do furacão "Fred" apanhou de surpresa os técnicos e voluntários que não foram a tempo de abandonar o local, devido às fortes ondulações do mar.  

 

A esta hora, o Fred caminha para outros rumos e em Cabo Verde deixa estragos e a esperança de boa colheita.

 

Clique aqui para continuar a acompanhar o trajeto do Fred.

English French German Italian Dutch

Sobre o autor

foto do autor

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários