Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Noviactual

MENU

As crianças com Necessidades Educativas Especiais (NEE) precisam de uma atenção especial em relação às outras crianças.

 

Numa entrevista ao Noviactual, a Delegada do Ministério da Educação em São Vicente, Paula Brito fala dos projectos - A criação de um espaço para atender crianças com NEE; sala para crianças surdas e formação de braile destinada à professores.

 

São quinze formandos sendo treze Professores do Ensino Básico e dois Educadores de Infância que recebem formação para o ensino de Braile.


- Qual é o objectivo?


O objectivo é dotar os professores de conhecimento no sistema Braile para que possam ter ferramentas de apoio às crianças com deficiência visual.


Duração e Frequência


A formação iniciou no dia 26 de Março e termina no dia 20 de Abril. São cerca de trinta horas de formação, duas horas por dia, de segunda à sexta-feira: sendo vinte horas na disciplina de Língua Portuguesa e dez na disciplina de Matemática.


A Formação está a ser ministrada por Irondina Cecília ex-coordenadora do Ministério de Educação. Ela trabalhou com Braile, agora aproveitamos esses conhecimentos e em breve haverá mais formações.


Os materiais, que facilitam a aprendizagem em Braile, não estão disponíveis no mercado cabo-verdiano: ”o seminário estava previsto para o mês de Fevereiro, mas não foi realizado por falta de material. Não há materiais no mercado nacional, essa foi a nossa dificuldade mas felizmente conseguimos algum junto da ADEVIC em São Vicente.”


O Sistema Braile

 


Braille ou braile é um sistema de leitura com o tacto para cegos. O sistema de Braille aproveita-se da sensibilidade epicrítica do ser humano, a capacidade de distinguir na polpa digital pequenas diferenças de posicionamento entre dois pontos diferentes.



Crianças surdas já têm sala


Há dois anos foi criada uma sala para crianças surdas. A sala funciona na escola de Ribeira Bote. As crianças estavam espalhadas pelas escolas, e agrupamo-las numa sala. Pretendemos também com isso criar a nossa linguagem gestual. Estamos agora a procura de material de apoio para esses alunos.


- Qual o nível de aprendizagem?


Estamos a avaliar o nível de aprendizagem dessas crianças. Uma técnica do centro de saúde reprodutiva está a trabalhar com os alunos surdos neste sentido e de acordo com o nível de aprendizagem será feito um plano de trabalho.

A linguagem gestual

 


A línguaguem gestual é a utilização de gestos, sinais e expressões faciais e corporais. Cada comunidade de Surdos tem a sua língua natural.



Delegação do Ministério da Educação em São Vicente dá atenção especial aos alunos com Necessidades Educativas Especiais: -“vamos criar um espaço, na escola António Aurélio Gonçalves, de atendimento às crianças com Necessidades Educativas Especiais nomeadamente crianças com Paralisia Cerebral, portadores de Síndrome de Down, crianças Surdas e com Deficiência Visual. O espaço foi criado pela equipa da sala de recursos e está a ser equipado."

English French German Italian Dutch

Sobre o autor

foto do autor

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Eliana de Oliveira

    Estou lendo o livro AFRICA. VIDA SELVAGEM e este l...

  • numadeletra

    Foi a minha estreia na leitura de Lídia Jorge e go...

  • Carmo

    Olá Maria, o disco pode ser encontrado nas livrari...

  • Maria Fraga

    Gostaria de saber como e onde posso comprar este ó...

  • Carmo

    Grande Morgadinho! Grande músico cabo-verdiano. A ...